5 De Fevereiro 

Entretanto, mesmo que seja eu oferecido por libação sobre o sacrifício e serviço da vossa fé, alegro-me e com todos vós me congratulo“, Fil.2.17

Está mesmo disposto a ser oferecido pelo serviço aos fiéis, a derramar o seu sangue como libação sobre o sacrifício da fé dos outros? Ou você diz: “Ainda não vou ser oferecido; não quero que Deus escolha o meu serviço. Quero ser eu mesmo a escolher o cenário de meu próprio sacrifício; quero que pessoas de minha preferência possam assistir e exclamar: “Muito bem!” 

Uma coisa é seguir a trilha solitária com heroísmo digno desse nome, mas, quando a rota traçada por Deus para si implica também que seja capacho para os pés de outros, isso já é outra coisa. Suponhamos que Deus queira ensiná-lo a dizer: “Sei estar humilhado”. Está pronto para ser ofertado desse jeito? Está pronto a ser menos que um zero à esquerda – tão insignificante que nunca mais seja recordado ou lembrado em relação ao serviço que prestou? Está disposto a gastar e a ser gasto dessa forma? A não ser servido mas servir? Há aqueles que pensam que não podem fazer trabalhos servis e assim assumir continuar sendo santos, porque isso estaria um pouco abaixo da sua própria dignidade.

REAVIVAMENTOS

(www.reavivamentos.com)

“…Olhos para o cego e pés para o coxo… pai para o orfão e a causa que desconhecia, investiguei…” Jó 29:15,16

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s