24 De Dezembro
A vossa vida está oculta juntamente com Cristo, em Deus“, Col.3.3

O Espírito de Deus testifica da extraordinária segurança da vida “oculta com Cristo em Deus”. E isso é constantemente ressaltado por Paulo dentro das suas epístolas. Falamos de viver uma vida santificada como se isso fosse uma coisa muito incerta; porém, é a mais segura que existe, porque essa vida contém em si e por trás dela o Deus todo-poderoso do universo. A coisa mais incerta é tentar viver sem Deus. Se já nascemos de novo, a coisa mais difícil será locomovermo-nos em erro; e a mais fácil é viver a partir dum relacionamento concreto e correcto com Deus, bastando para isso que prestemos atenção às suas advertências e nos mantenhamos em sua luz, 1 João1:7.

Quando pensamos em andar na luz, em ser libertos do pecado, “sermos cheios do Espírito”, Ef.5:18, isso nos parecerá o pico de uma montanha muito alta para concluirmos assim: “Oh, eu nunca conseguiria viver lá em cima!” Mas, quando, através daquela graça abundante de Deus lá chegarmos, descobrimos que não se trata de um pico duma montanha, mas, antes dum planalto onde existe amplo espaço para se poder viver e crescer livremente apenas. “Alongaste meus passos debaixo de mim e eu não resvalei em meu caminho”, Sal.18:36.

Se você realmente vir a Jesus e estiver de facto com ele, eu o desafio a duvidar dele. Quando ele diz: “Não se turbe o vosso coração”, João 14:27, se você o vir, eu o desafio a deixar que sua mente se perturbe; quando ele está presente é impossível duvidar mais. Todas as vezes que você entrar em contacto directo e muito íntimo e pessoal com Jesus, as palavras dele se tornam excessivamente reais. “A minha paz vos dou”, João 14:27 – uma paz que abrange tudo e excede tudo quanto se possa imaginar, desde o alto da cabeça até a sola dos pés, uma confiança irreprimível e impossível de ser ainda contida. “A vossa vida está oculta juntamente com Cristo, em Deus” e a paz perfeita de Jesus Cristo é transmitida em seu íntimo.

REAVIVAMENTOS

(www.reavivamentos.com)

“…Olhos para o cego e pés para o coxo… pai para o orfão e a causa que desconhecia, investiguei…” Jó 29:15,16

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s