10 De Agosto 
Por isso, também os que sofrem segundo a vontade de Deus encomendem as suas almas ao fiel Criador, praticando o bem“, 1 Pedro 4.19

Optar pelo sofrimento significa que algo está errado connosco; optar pela vontade de Deus, mesmo que isso implique sofrimento, é algo bastante diferente. Nenhum cristão normal opta pelo sofrimento; opta, isso sim, pela vontade de Deus, como fez Jesus, quer ela signifique sofrimento ou não. Nenhum de nós deve atrever-se a interferir na disciplina do sofrimento na vida de outro irmão também.

A pessoa que agrada o coração de Jesus fará com que outros irmãos se tornem fortes e amadurecidos para Deus acima de tudo. As pessoas que mais nos fazem bem não são aquelas que se compadecem de nós; estas sempre atrapalham, porque a compaixão enfraquece-nos. Ninguém compreende um servo de Deus senão aquele que tem muita intimidade com o Salvador. Se aceitarmos a compaixão de um irmão, o sentimento reflexo será: “Deus está sendo muito duro para comigo”. Foi por isso que Jesus disse que a auto-piedade era do diabo, Mateus 16.23. Tenha cuidado para com a reputação de Deus que existe em si. É fácil denegrir o Seu carácter apenas porque ele não retribui logo ali e nunca se defende. Rejeitemos a ideia de que Jesus precisou de compaixão em sua vida terrena; ele recusou a compaixão dos homens porque sabia muito bem que ninguém na terra compreendia o que ele estava pretendendo fazer e conseguir alcançar. Ele só aceitou a compaixão do Pai e dos anjos nos céus, Lucas 15.10.

Segundo o julgamento do mundo, Deus desperdiça de modo incrível a vida dos seus servos e os coloca nos lugares mais inúteis. “Deus quer-me aqui porque sou-Lhe muito útil” – pensamos. Mas, Jesus nunca avaliou sua vida em termos de utilidade. Deus coloca seus servos onde irão glorificá-lo e não temos nenhuma competência para julgarmos a viabilidade ou não do lugar ou das circunstâncias onde somos colocados.

REAVIVAMENTOS

(www.reavivamentos.com)

“…Olhos para o cego e pés para o coxo… pai para o orfão e a causa que desconhecia, investiguei…” Jó 29:15,16

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s